Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Biblioteca da Daniela

A Biblioteca da Daniela

Divulgação: Também Isto Passará, de Milena Busquets

28.08.15, Daniela S.

Sinopse retirada do site da Bertrand:

Quando Blanca era pequena, para a ajudar a ultrapassar a morte do pai, a sua mãe contou-lhe uma lenda chinesa. Uma lenda sobre um poderoso imperador que convocou os sábios e lhes pediu uma frase que se aplicasse a todas as situações possíveis. Depois de meses de deliberações, os sábios apresentaram uma proposta ao imperador: «Também isto passará.» E a mãe acrescentou: «A dor e a mágoa passarão, como passam a alegria e a felicidade.» 

Agora morreu a mãe de Blanca, e este romance, que começa e termina num cemitério, fala da dor da perda, do peso dilacerante da ausência. 
Milena Busquets transforma experiências pessoais em literatura e, partindo do íntimo, consegue criar um romance que rompe fronteiras. E fá-lo porque, através da história de Blanca e da doença e morte da sua mãe, através das relações com os amantes e as amigas, combinando prodigiosamente profundidade e leveza, fala-nos de temas universais: a dor e o amor, o medo e o desejo, a tristeza e a vontade de sorrir, a desolação e a beleza de uma paisagem em que se entrevê fugazmente a mãe falecida a passear junto ao mar, porque aqueles que amámos não podem simplesmente desaparecer.

Divulgação: 10:04, de Ben Lerner

25.08.15, Daniela S.

Sinopse retirada do site da Bertrand:

10:04 é a hora em que um relâmpago atinge a torre do relógio e permite a Marty McFly voltar a 1985 em Regresso ao Futuro - filme crucial da juventude de Ben, o narrador do romance 10:04.
Já adulto, Ben vê o seu mundo tornar-se irreconhecível. O seu primeiro romance foi aclamado pela crítica e o segundo, ainda por escrever, é já alvo da cobiça de várias editoras. Simultaneamente, numa consulta médica de rotina, é-lhe diagnosticada uma doença cardíaca potencialmente fatal. A sua melhor amiga, Alex, tem 36 anos e quer engravidar usando o esperma dele. E Alena, que cria a sua arte a partir de obras inutilizadas, entra e sai da sua vida num ciclo demasiado subtil para constituir uma relação. Numa Nova Iorque sob a ameaça do furacão Irene e em convulsão social, Ben debate-se com a circularidade do tempo, a perspetiva de ser pai e a sua própria mortalidade.
Ben Lerner, cuja obra tem sido elogiada por autores como Jonathan Franzen ("inteligente, original em tudo o que escreve") ou Paul Auster ("absolutamente fascinante"), é exemplar na sua introspeção pós-moderna.10:04 é uma visita guiada ao seu impressionante microcosmos literário.

Mudanças na lista de The New York Times!

24.08.15, Daniela S.

Muitos leitores, ao não saberem o que irão ler a seguir, gostam de ver as listas de vendas que, por vezes, podem corresponder à qualidade do livro. De facto, muitos leitores confiam na lista de bestsellers da The New York Times.



Logótipo do conhecido jornal diário norte-americano, The New York Times.


No entanto, havia quem achasse a lista injusta, na medida em que não havia distinção entre os livros para alunos do Ensino Básico e os livros de Young-Adults. Deste modo, na semana passada, foi divulgado que, a partir do dia 21 de agosto, irá passar a haver listas distintas, não só segundo as idades, mas também de acordo com os formatos dos livros, o que significa que os livros de capa dura terão a sua lista, enquanto os paperbacks terão, também a sua própria lista. Estas mudanças são importantes, uma vez que as novas listas permitirão a introdução de novos autores que merecem ser destacados.

Livros de Young-Adults dispostos numa loja.

Pamela Paul, editora do New York Times Book Review, concorda com as mudanças, falando até sobre o caso dos diferentes paperbacks. Por exemplo, no ano passado, A Culpa é das Estrelas, de John Green, ocupou três lugares distintos na mesma lista, pois havia a edição de capa dura, a nova edição em que a capa era um cartaz do filme, e a edição original. Esta situação, efetivamente, não era justa para outros autores que mereciam esses respetivos lugares na tabela. Por isso, Pamela Paul defende que estas mudanças irão facilitar a entrada de novos autores nas listas, facilitando, ainda, as escolhas dos leitores.

Pamela Paul
Pamela Paul, editora na New York Times Books Review, concorda com as novas medidas nas listas dos livros.



Os autores de Young-Adults, bem como os leitores, ficaram muito contentes com estas novas medidas adotadas pelo jornal, tendo expressado o seu agrado nas redes sociais, como o Twitter. Por exemplo, Jenny Han (autora de A todos os Rapazes que Eu Amei e P.S. I Still Love You), Leigh Bardugo ( autora da trilogia Grisha) e Scott Westerfeld (autor da coleção Uglies) estão entusiasmados com as mudanças!


Aqui podem ver a lista com as modificações:

Divulgação: Rainha Vermelha, de Victoria Aveyard

24.08.15, Daniela S.

Rainha Vermelha, a estreia de Victoria Aveyard no mundo literário, será publicado pela editora Saída de Emergência. Chegará às prateleiras portuguesas no dia 25 de setembro :)

Sinopse retirada do site da Saída de Emergência:

A sua morte está sempre ao virar da esquina, mas neste perigoso jogo, a única certeza é a traição num palácio cheio de intrigas. Será que o poder de Mare a salva... ou condena?
O mundo de Mare, uma rapariga de dezassete anos, divide-se pelo sangue: os plebeus de sangue vermelho e a elite de sangue prateado, dotados de capacidades sobrenaturais. Mare faz parte da plebe, os Vermelhos, sobrevivendo como ladra numa aldeia pobre, até que o destino a atraiçoa na própria corte Prateada. Perante o rei, os príncipes e nobres, Mare descobre que tem um poder impensável, somente acessível aos Prateados.
 
Para não avivar os ânimos e desencadear revoltas, o rei força-a a desempenhar o papel de uma princesa Prateada perdida pelo destino, prometendo-a como noiva a um dos seus filhos. À medida que Mare vai mergulhando no mundo inacessível dos Prateados, arrisca tudo e usa a sua nova posição para auxiliar a Guarda Escarlate – uma rebelião dos Vermelhos – mesmo que o seu coração dite um rumo diferente.

Divulgação: Uma Obsessão Indecente, de Colleen McCullough

23.08.15, Daniela S.

Sinopse retirada do site da Bertrand:

A Segunda Guerra Mundial chegou ao fim e a Irmã Honour Langtree, uma enfermeira dedicada e empenhada, tem ao seu cuidado um conjunto impressionante de cinco soldados arrasados pela guerra, que estão a ser tratados na unidade de cuidados psiquiátricos do hospital. Para estes homens, a Irmã Honour é preciosa, e são-lhe tão dedicados como ela a eles. 
Entretanto, mais um homem chega à unidade. Michael Wilson é um herói condecorado, mas é também um homem cheio de segredos e de um sofrimento mudo. Honour sente-se atraída por ele e descobre um amor que acabará por desencadear emoções violentas e perturbar toda a harmonia frágil conquistada com o seu trabalho.

E hoje comprei...

22.08.15, Daniela S.

Paguei 10 euros por estes dois livros! Adoro quando a Bertrand tem estas pequenas surpresas ^^

Sinopse retirada do site da Bertrand:

O Paraíso das Damas conta a história de Denise Baudu, uma jovem órfã de vinte anos que acaba de chegar a Paris, vinda da província, na companhia dos dois irmãos. Denise começa a trabalhar na loja de tecidos e confeções "Paraíso das Damas", um dos primeiros armazéns de Paris, uma loja em constante expansão sob a chefia do magnata Octave Moret.
No universo turbulento das grandes lojas de Paris, que começavam a revolucionar o comércio da época, o romance de Zola descreve uma cidade moderna, mostrando as mudanças de comportamento dos sexos e das classes.



Sinopse retirada do site da Bertrand:

Ao fim de dezoito anos de prisão na Bastilha como prisioneiro político, o envelhecido Dr. Manette é libertado e parte para a Inglaterra, onde volta a encontrar a filha. Aí, dois homens, Charles Darnay, um aristocrata francês exilado, e Sydney Carton, um advogado brilhante mas de má reputação, apaixonam-se por Lucie Manette. Das ruas pacíficas de Londres, são levados para a Paris do Reino do Terror, onde a sombra fatal da guilhotina abarca tudo e todos.

Divulgação: Luz Antiga, de John Banville

21.08.15, Daniela S.

Sinopse retirada do site da Bertrand:

Existe alguma diferença entre a memória e a invenção? É essa a pergunta que alimenta Luz Antiga, um romance fascinante, escrito com a profundidade, o lirismo e o humor que caracterizam a obra de John Banville.
É também a pergunta que persegue Alexander Cleave, um ator no crepúsculo da vida e da carreira, que recorda com pesar o seu primeiro - e talvez único - amor, assim como a morte da filha às mãos de uma depressão amorosa que Cleave não consegue aceitar ou entender.

Billy Gray era o meu melhor amigo e eu apaixonei-me pela mãe dele. «Apaixonei-me» é capaz de ser uma palavra demasiado forte, mas não conheço nenhuma mais fraca que sirva. Tudo isto aconteceu há meio século. Eu tinha quinze anos e Mrs. Gray trinta e cinco.

Luz Antiga é uma meditação sobre o amor e a perda, sobre o imediatismo inescrutável do passado nas nossas vidas presentes, sobre a forma como a imaginação inventa memórias e as memórias inventam o homem.

Novo trailer da adaptação cinematográfica d'O Marciano

20.08.15, Daniela S.



O Marciano, de Andy Weir, é um livro de ficção científica que foi publicado, pelo próprio autor, em 2011. Entretanto, a editora Crown Publishing comprou os direitos da obra e publicou-a em 2014. Desde então, não para de aumentar as excelentes críticas ao romance de Weir.
Como nunca o divulguei aqui no blog, deixo a capa e a sinopse, retiradas do site da Bertrand:

Sinopse retirada do site da Bertrand:

Uma Missão a Marte. Um acidente aparatoso. A luta de um homem pela sobrevivência.

Há exatamente seis dias, o astronauta Mark Watney tornou-se uma das primeiras pessoas a caminhar em Marte. Agora, ele tem a certeza de que vai ser a primeira pessoa a morrer ali.
Depois de uma tempestade de areia ter obrigado a sua tripulação a evacuar o planeta, e de esta o ter deixado para trás por julgá-lo morto, Mark encontra-se preso em Marte, completamente sozinho, sem perspetivas de conseguir comunicar com a Terra para dizer que está vivo. E mesmo que o conseguisse fazer, os seus mantimentos esgotar-se-iam muito antes de uma equipa de salvamento o encontrar.
De qualquer modo, Mark não terá tempo para morrer de fome. A maquinaria danificada, o meio ambiente implacável e o simples «erro humano» irão, muito provavelmente, matá-lo primeiro. Apoiando-se nas suas enormes capacidades técnicas, no domínio da engenharia e na determinada recusa em desistir — e num surpreendente sentido de humor a que vai buscar a força para sobreviver —, ele embarca numa missão obstinada para se manter vivo. Será que a sua mestria vai ser suficiente para superar todas as adversidades impossíveis que se erguem contra si?
Fundamentado com referências científicas atualizadas e impulsionado por uma trama engenhosa e brilhante que agarra o leitor desde a primeira à última página, O Marciano é um romance verdadeiramente notável, que se lê como uma história de sobrevivência da vida real.






Após a leitura deste livro, os leitores ficaram ansiosos ao pensarem que O Marciano daria um belo filme. De facto, a obra de Weir foi adaptada para o grande ecrã e irá estrear, nos EUA, a 2 de outubro deste ano. Como podem ver pelas seguintes imagens (imagens oficiais da adaptação cinematográfica), o filme conta com um elenco estrondoso:


Matt Damon será a personagem principal, Mark Watney:
Uma imagem oficial do filme. Matt Damon interpreta o "marciano", Mark Watney.

Jessica Chastain interpretará o papel de Melissa Lewis:



Kristen Wiig será Annie Montrose:



Kate Mara entra no filme como Beth Johanssen:


Jeff Daniels será Teddy Sanders:


Outros grandes nomes que constituem este elenco são Sean Bean, Sebastian Stan, Chiwetel Ejiofor, entre outros.

Imagem oficial do filme.

Até agora, como podem ver, foram lançadas algumas imagens oficiais, bem como:

 um teaser trailer:





e o trailer oficial (tem legendas portuguesas):


O título português do filme não será O Marciano, como o livro, mas sim Perdido em Marte. Chegará às terras lusas a 1 de outubro.  A Topseller já informou que o livro terá uma nova capa, provavelmente um póster oficial do filme.

The Martian, Poster
Cartaz oficial de Perdido em Marte.

Divulgação: A Biblioteca das Sombras, de Mikkel Birkegaard

20.08.15, Daniela S.

Sinopse retirada do site da Bertrand:

No coração de Copenhaga, a livraria Libri di Luca é mais do que uma simples loja de livros velhos e usados. Quando o proprietário Luca Campelli morre de forma inesperada, o seu filho Jon, um proeminente advogado, ver-se-á envolvido num mistério inquietante.

Jon não planeia trocar a sua carreira pela livraria, mas, após uma tentativa de fogo posto à Libri di Luca, descobre que o pai era o líder de uma sociedade secreta de leitores e amantes de livros, os Lectores, criada para preservar uma tradição oculta que remontava à época do esplendor da Biblioteca de Alexandria. Os Lectores eram pessoas dotadas de um misterioso poder, tão fantástico quanto perigoso, que lhes permitia seduzir o leitor com histórias extraordinárias, evocar mundos imaginados, mas também manipulá-lo e levá-lo a pensar exatamente aquilo que queriam. Quanto mais Jon descobre, mais fica com a certeza de que a morte do pai nada teve de natural. Haverá uma conspiração no seio dos Lectores? Após inúmeras questões que escapam à sua compreensão, o jovem advogado ver-se-á obrigado a investigar as suas raízes para salvar a própria vida.

Uma leitura fascinante e perigosa, repleta de reviravoltas e suspense, que conduzirá o leitor a fronteiras inimagináveis.

Pág. 1/5