Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Compras literárias!

Há pessoas que vão para a Feira do Livro de Lisboa. Depois, há pessoas que gostam de ir ao hiper Continente para saber se há alguma promoção nos livros, ou seja, eu.
Ontem vi alguns romances com 40% de desconto imediato e acabei por escolher dois, ambos pagos pela minha querida mãe (obrigada, mãe!):


Sinopse retirada do site da Bertrand:

«Por todo o mundo, sempre que a Polícia se depara com casos particularmente difíceis, recorre a médiuns e espíritas. No entanto, em nenhum documento figura a colaboração de um médium para a resolução de um crime.»

Flora Hansen diz-se espírita e garante ser capaz de falar com os mortos. Certo dia, ouve na rádio uma notícia sobre o caso de uma jovem assassinada num centro de acolhimento de menores e, na tentativa de ganhar um dinheiro extra, decide telefonar para a Polícia dizendo que o espírito da morta entrou em contacto com ela. No entanto, os resultados da investigação técnica atribuem a autoria do crime a outra das internas, uma jovem sensivelmente da mesma idade, que desde então está a monte.

O comissário da Polícia Joona Linna resiste à versão oficial e inicia uma investigação por sua própria conta. Mas cada nova resposta parece apenas conduzir a um novo enigma e a mais um beco sem saída.

E ninguém se dispõe a ouvir a vidente, embora ela fale com os mortos.





_________________________________________________________________________

Sinopse retirada do site da Bertrand:

Jurek Walter é um dos assassinos em série mais perigosos e mortais do mundo, um psicopata tão sinistro e tão inteligente como Hannibal Lector. Embora esteja há mais de uma década encarcerado na ala psiquiátrica de um hospital de alta segurança, a Polícia jamais conseguiu desvendar os seus crimes e descobrir o paradeiro das suas inúmeras vítimas. No entanto, quando o jovem Mikael Kohler-Frost, supostamente morto há mais de sete anos, é encontrado a vaguear numa ponte ferroviária, hipotérmico e às portas da morte, o comissário Joona Linna vê-se obrigado a reabrir o caso e a aproximar-se do homem que o privou da sua família, o homem que, mais do que tudo, o deseja morto.

À medida que as investigações avançam, o perigo adensa-se e torna-se imperativo entrar na mente do perigoso assassino, antes que o tempo se esgote…

Tendo já alcançado um tremendo sucesso internacional, O Homem da Areia é o quarto livro da série que tem como protagonista o comissário Joona Linna e que já vendeu mais de 4 milhões de exemplares em todo o mundo.



_________________________________________________________________________


Ambos pertencem à coleção Joona Linna, de Lars Kepler. Lars Kepler é, na realidade, um pseudónimo de uma dupla de escritores suecos que, graças ao primeiro volume, O Hipnotista, atingiram um sucesso internacional estrondoso. Aliás, o primeiro livro foi adaptado para o grande ecrã pelo realizador sueco Lasse Hallström.

A Vidente é o terceiro volume e O homem da areia é o quarto. O segundo livro, O Executor, também tinha desconto, mas não quis comprar, porque a sinopse não me cativou tanto como os outros. Já foi editado, em Portugal, o quinto volume, Stalker, que também parece ser muito interessante. Se gostar destas novas aquisições, espero comprar o quinto livro, pois vejo séries televisivas com histórias semelhantes a este livro e adoro-as.

Escolhi estes livros, porque não costumo ler thrillers. De facto, até agora, só li dois thrillers e, como a última leitura foi excelente (Em Parte Incerta, de Gillian Flynn), decidi que, este ano, deveria ler mais alguns livros deste género que é adorado por muitos portugueses.


Como estes livros pertencem a uma coleção, tendo já obras anteriores, espero que seja possível ler os romances que comprei sem ler os primeiros dois. 




Já compraram muitos livros este mês?




3 comentários

Comentar post