Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Natal está quase aí e não sei que livros poderia oferecer... E agora?

A publicação de hoje é sobre algo que, muitas vezes, pode ser complicado, principalmente para quem não sabe muito sobre livros, mas quer oferecer um a alguém. Não se preocupem, pois estou cá para ajudar!

 

Comecemos pelos livros que poderão oferecer aos mais novos!

 

Em primeiro lugar, temos Anna Kadabra - O Clube da Lua Cheia, de Pedro Mañas (texto) e David Sierra Listón (ilustrações). É um livro pequeno, mas cheio de ilustrações magníficas e com boas doses de magia e humor. Ideal para miúdos (a partir dos 7 anos) e graúdos.

Sinopse: A Anna está furiosa porque tem de deixar a sua casa, a escola e a cidade onde vive. Vai mudar-se com os pais para Moonville, uma aldeia antiquada no meio de um bosque cheia de lendas e segredos.

Por exemplo:

Quem é o gato misterioso que segue a Anna para todo o lado?
Pode o gato ser de uma bruxa?

Esperem lá um momento… e se a bruxa for ela?

 

Bertrand.pt - Anna Kadabra - O Clube da Lua Cheia

 

 

Se a criança tiver 10 anos ou mais, Ana dos Cabelos Ruivos, uma novela gráfica de Mariah Marsden (texto) e Brenna Thummler, pode ser uma boa oferta. "O clássico de Lucy Maud Montgomery encontra uma nova expressão nesta novela gráfica a cores, muito apelativa para as novas gerações de leitores.

Quando Matthew e Marilla Cuthbert decidem adotar um órfão para os ajudar na sua quinta, não fazem ideia das boas surpresas e inesperados problemas que os aguardam. Com cabelos ruivos e uma imaginação imparável, Ana Shirley, de 11 anos, vai agitar a quinta Green Gables.

A vida dos dois irmãos nunca mais será a mesma, nem a dos habitantes da pequena vila de Avonlea. Ninguém esquecerá a magia e a beleza de Green Gables, e muito menos esta personagem alegre, corajosa, inteligente e bondosa.

Uma edição que torna acessível o clássico de Lucy Maud Montgomery, com beleza e um estilo moderno, e ao mesmo tempo fiel à época em que se desenrola a história. Narrativa cheia de pureza e valores universais e que promove a coragem, a bondade, a alegria, a superação e a resiliência."

 

 

 

Não poderia deixar de incluir um livro de autoria portuguesa nesta lista. Matilde e a Cidade das Portas Mágicas, de Patrícia Furtado, também é uma ótima sugestão para crianças com 10 anos ou mais. "Matilde tem 10 anos e vive numa terra distante com os pais e com Fred, o seu melhor amigo, um furaleão curioso e muito inteligente que a segue por todo o lado. Ela podia ser uma menina completamente normal, não fosse o facto de ser uma bruxa (das boas) e ótima condutora de vassouras.
Um dia, vai para a cidade viver com a tia, uma bruxa das grandes, para estudar numa escola supostamente normal… mas que esconde muitos segredos. Matilde é esperta, rápida, tem bom coração e uma enorme incapacidade de ficar calada perante as injustiças. Com ela, vais viver muitas aventuras e descobrir feitiços incríveis. E vais querer um furaleão só para ti!"

 

 

 

Se procuram por um livro mágico e cheio de peripécias para leitores com 12 anos ou mais, Amari e os Irmãos da Noite, de B. B. Alston, é a escolha perfeita. "Amari Peters nunca deixou de acreditar que Quinton, o seu irmão desaparecido está vivo. Nem mesmo quando a polícia lhe disse o contrário, ou quando teve de enfrentar todos os que lhe diziam que ele tinha partido para sempre.

Quando Amari encontra uma pasta no armário do quarto do irmão, contendo uma nomeação para o programa de verão na Agência dos Assuntos Sobrenaturais, ela tem a certeza de que aquela organização secreta é a chave para localizar Quinton.

Amari está determinada a competir por um lugar, mesmo que tenha de enfrentar outras crianças que, ao contrário dela, sabem tudo sobre magia, fadas, alienígenas e criaturas sobrenaturais desde que nasceram. Enfrentando as suas próprias dúvidas, os seus colegas que a olham como uma inimiga e um mágico que a persegue, Amari nunca se sentiu tão sozinha. Mas ela sabe que se não resistir e passar nas provas de seleção nunca descobrirá o que realmente aconteceu com Quinton.

Best-seller do New York TimesAmari e os Irmãos da Noite é uma aventura empolgante cheia de magia e imaginação. Embarca nesta aventura com Amari, a heroína que todos desejamos conhecer."

 

 

 

Se, por acaso, quiserem oferecer algo mais realista a um leitor desta faixa etária, aconselho Olha Para os Dois Lados, uma antologia de Jason Reynolds. "Dez caminhos percorridos no mesmo dia. Dez adolescentes que saem da mesma escola. Um livro inesquecível de um autor multipremiado que nos prende e questiona: «Como vais mudar o mundo?»

Em 10 breves histórias, que se entrecruzam de forma perfeita e quase impercetível nos mais pequenos detalhes, acompanhamos vários adolescentes desde o toque de saída da escola até à chegada a casa. Cada conto é apresentado sob vários ângulos. Tal como quando se atravessa a rua, somos levados a olhar para os dois lados da vida de cada um deles, e só então percebemos o porquê das suas ações e dos caminhos que tomam. Cada adolescente tem personalidade e circunstâncias distintas, as suas alegrias, os seus medos e os seus desafios diários. Uma galeria de personagens que nos inspiram com a sua coragem e a sua resiliência.

Este livro aborda com humor e sensibilidade uma série de questões que afetam os adolescentes: bullying, insucesso escolar, doença, discriminação racial e de género, crise familiar e financeira… Depois de o ler, passamos a olhar com mais atenção e respeito para os dois lados de cada pessoa com quem nos cruzamos no nosso caminho."

 

 

 

Ainda dentro destas faixas etárias, temos Olá, Universo, de Erin Entrada Kelly. "Virgil Salinas é tímido e ninguém consegue perceber bem o que lhe passa pela cabeça. Valencia Somerset é inteligente e muito, muito teimosa. Kaori Tanaka é uma vidente que consegue ler as estrelas. Chet Bullens, o Touro, é o maior bully do bairro.

Não são amigos, nem andam todos na mesma escola. Mas quando Chet prega uma partida surpreendente e de mau gosto a Virgil e a Gulliver, o porquinho-da-índia do rapaz, a vida destas quatro pessoas colide e entrecruza-se de formas surpreendentes e inesperadas. Será tudo coincidência? Ou há certas coisas destinadas a acontecer?"

 

 

 

Agora, é a vez dos adolescentes. E se oferecessem uma novela gráfica fofa e cativante? Heartstopper, de Alice Oseman, é uma coleção YA contemporânea e os três primeiros livros já foram publicados em Portugal. Têm sido muito bem recebidos pelo seu público-alvo. Irei apenas mencionar o primeiro livro: "O primeiro volume da saga best-seller mundial, premiada com o Goodreads Choice Awards 2020 para melhor banda desenhada

Charlie e Nick estão na mesma escola, mas nunca se conheceram... até ao dia em que são obrigados a sentar-se lado a lado. Eles rapidamente se tornam amigos, e Charlie começa a apaixonar-se por Nick, embora ache que não tenha qualquer oportunidade.
Mas o amor funciona de maneiras surpreendentes e, por vezes, coisas boas estão mesmo ao nosso lado...

Este é o primeiro volume de Heartstopper, a banda desenhada premiada (Goodreads Choice Awards 2020) de Alice Oseman."

 

 

 

E se o adolescente, com 16 anos ou mais, preferir ler Fantasia? Não se preocupem, pois tenho duas recomendações muito boas! Uma delas é Três Coroas Negras, de Kendare Blake. Toda a coleção já foi publicada em Portugal e também foi muito elogiada por imensos jovens leitores.

"Três rainhas negras,
Fruto da mesma terra.
Três gémeas meigas,
Agora entrarão em guerra.

Três irmãs negras –
Quais delas não se adivinha –
Mas duas terão de morrer:
Só uma será rainha.


A CADA GERAÇÃO, NA OBSCURA ILHA DE FENNBIRN, NASCEM TRÊS IRMÃS GÉMEAS.

Três rainhas herdeiras de um só trono, cada uma possuindo um poder mágico muito cobiçado. Mirabella é capaz de inflamar o incêndio mais violento ou a tempestade mais terrível. Katharine consegue ingerir um veneno mortal sem sentir os seus efeitos. De Arsinoe diz-se capaz de fazer florir a rosa mais vermelha e controlar o leão mais feroz.

Mas para uma delas ser coroada rainha, não basta ter a linhagem certa. As trigémeas terão de conquistar o seu direito à coroa, lutando por ele… até à morte.

Na noite em que as irmãs completam 16 anos, a batalha começa. E a rainha que sobreviver, conquistará a coroa!

bestseller do New York Times finalmente em Portugal
".

 

 

 

O segundo livro de Fantasia que aconselho é As Mulheres Douradas, de Namina Forna. "Somos raparigas ou somos demónios? Vamos morrer ou vamos sobreviver?

Deka, de 16 anos, devido à sua intuição e natureza sente-se diferente e vive com medo do ritual do sangue, o qual irá determinar se pode ou não ser um membro da sua aldeia. Se o seu sangue correr vermelho, será aceite pela comunidade. Mas no dia da cerimónia o seu sangue revela ser dourado - a cor da impureza, de um demónio, e as consequências serão pior do que a morte.

A jovem vê-se forçada a abandonar a aldeia onde sempre vivera na companhia de uma mulher misteriosa e a juntar-se a um exército de raparigas como ela - as alaki. Um grupo de raparigas quase imortais com dons raros e as únicas capazes de travar a maior ameaça do império.

Mas, à medida que avança até à capital para treinar para a derradeira batalha, Deka descobre que a grande cidade murada encerra em si muitas surpresas. Nada nem ninguém é exatamente o que parece ser - nem mesmo Deka…"

 

 

 

Por fim, uma sugestão para os adultos: A Polícia da Memória, de Yoko Ogawa. "Numa ilha sem nome, situada numa costa anónima, há objetos que começam a desaparecer. Primeiro chapéus, depois fitas, pássaros e rosas — até que a situação se agrava. A maioria dos habitantes permanece desatenta a estas mudanças, e os poucos com poder para recuperar os objetos perdidos vivem receosos da Polícia da Memória, entidade que assegura que o que desaparece permanece esquecido.

Quando uma jovem mulher, que luta por manter uma carreira de romancista, descobre que o seu editor está em perigo, elabora um plano para o ocultar debaixo da sua casa. À medida que medo e sentimento de perda se aproximam, rodeando-os, agarram-se à escrita como modo de preservar o passado."

 

 

 

 

Espero que tenham gostado das minhas sugestões. Boas Festas!

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.