Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Biblioteca da Daniela

A Biblioteca da Daniela

New trailer and poster arrive for Anne, based on Anne of Green Gables
Poster oficial da primeira temporada.
Fonte.

Anne with an E é uma série da Netflix e da CBC baseada no clássico de Lucy Maud Montgomery, Anne of Green Gables (em português: Anne dos Cabelos Ruivos/Anne das Empenas Verdes).

No livro, seguimos as aventuras de Anne nas Empenas Verdes, em Avonlea, depois de ser adotada por Matthew e Marilla Cuthbert, dois irmãos que, na realidade, estavam à espera de receber um rapaz órfão. Embora tenha sofrido imenso como órfã, a menina de 11 anos é sonhadora, adora palavras "caras" e tem uma imaginação muito fértil. O problema é que ela não está habituada à forma como a sociedade vive, isto é, à austeridade e à seriedade. Apesar disso, Anne não deixa de ser quem realmente é e vai animar e ensinar as pessoas de Avonlea. É uma história sobre a pertença, a família e a diferença como algo bom.



Bertrand.pt - Anne das Empenas Verdes
Edição portuguesa da Relógio d'Água.
Há, ainda, a edição da Civilização. Infelizmente, as duas edições encontram-se esgotadas ou não disponíveis. No entanto, acho que a Relógio d'Água ainda vende exemplares no seu site.

O primeiro episódio começa mesmo no momento em que os irmãos Cuthbert estão à espera de receber um rapaz órfão, que iria ajudar Matthew nas tarefas da quinta. No entanto, houve algum erro e recebem Anne. A partir daí, vemos como Anne se adapta à vida familiar em Empenas Verdes e à comunidade de Avonlea, assim como o inverso.

Mal introduziram Anne, apaixonei-me imediatamente pela série. Como não amar uma personagem tão jovem que sonha acordada e adora palavras? E a atriz, Amybeth McNulty, prova como é PERFEITA para interpretar este papel. A sua performance é muito credível e dá luz a toda a série. Faz-nos esquecer o que nos rodeia. É como se o espectador estivesse no mundo de Anne e não no mundo real.
Além disso, a atriz interpreta muito bem diversas emoções. Ela mostra muito bem o sofrimento, a alegria, o amor, a repugnância que Anne sente conforme a situação. Amybeth McNulty é, de facto, a alma deste projeto.



Watch But What Is So Headstrong as Youth?. Episode 3 of Season 1.
Amybeth McNulty como Anne Shirley-Cuthbert.
Nesta cena, Anne está a declamar um poema com muita vivacidade, o que é algo característico da personagem.


Os atores que interpretam os irmãos Cuthbert também são excelentes. Marilla é quem manda em casa. Realiza todas as tarefas domésticas e ajuda um pouco na quinta. Ela está constantemente a exigir respeito e não aceita atitudes fora do normal. Quer tudo impecável e prefere seguir as normas sociais. No entanto, é uma personagem que cresce muito a nível emocional e muda imenso ao conhecer Anne. A atriz, Geraldine James, é muito boa nisso. Se, num momento, mostra frieza, no outro, mostra doçura maternal ao finalmente perceber que há mais na vida para além de comportamentos austeros e severamente controlados. A personagem, aos poucos, adapta-se ao seu novo papel de mãe de uma menina muito jovem e inteligente. Lentamente, também consegue abrir um pouco do seu coração.

Matthew, interpretado por R. M. Thomson, é um homem muito reservado, tímido e introvertido. Não fala muito, mas adora imenso Anne quando a conhece. Ela é o oposto dele e talvez seja por isso que ele adora imenso a menina. É um homem que já sofreu muito e não gosta falar da sua dor. Ele tenta dar o melhor de si e gosta de ser como um pai para Anne. É um amor de pessoa e, tal como Anne, conquista o coração de qualquer espectador.



Resultado de imagem para anne with an e matthew and marilla cuthbert season 1
Matthew Cuthbert (R. M. Thomson) e Marilla Cuthbert (Geraldine James) são os dois irmãos que adotaram Anne.


Uma outra personagem espetacular é Gilbert Blythe, que é interpretado por Lucas Jade Zumann. Ele, sem dúvida alguma, mostra que é possível desconstruir a masculinidade tóxica. Uma das suas primeiras cenas tem a ver com palavras rudes que alguns rapazes dizem a Anne por ser órfã. Gilbert imediatamente diz que não é um motivo para gozarem com Anne e, sem receios, diz que ela é adorável. Na minha opinião, é um bom exemplo a seguir para os rapazes mais jovens. Já chega de dizermos aos rapazes que maltratar as meninas ao gritar nomes "feios" e empurrá-las são formas de engate. Gilbert é também como uma versão masculina de Anne. Não o vemos usar muito a sua imaginação, mas ele é um excelente aluno e, tal como a personagem principal, adora palavras e aprender. Quando os dois aparecem juntos, a história é ainda mais bonita. Transmitem muita inocência e são adoráveis.



Resultado de imagem para anne with an e gilbert
Lucas Jade Zumann como Gilbert Blythe.


Tal como as personagens, o enredo é muito rico e cativante. É uma história que aborda imensos temas atuais, como a saúde mental, o bullying, as diferenças entre os mais ricos e os mais humildes, o feminismo, etc. As cenas que mais me comoveram foram os momentos em que Anne sente que ainda não pertence à família Cuthbert e sofre porque pessoas mais snobes não conseguem aceitar a sua personalidade radiante e energética. Relacionada com esta cena, temos também o momento em que Marilla começa a fazer parte de um grupo de mães feministas. Elas acreditam na educação para as jovens e acham que as mulheres podem trabalhar como os homens. No entanto, é o mesmo grupo que não aceita uma jovem diferente como Anne e que preferem manter as suas filhas afastadas dela. São, na realidade, preconceituosas e Marilla vê isso e até critica precisamente a falta de compreensão por quem é diferente. Uma outra cena linda e pura é quando Anne percebe que a tia de uma amiga é lésbica e não fica espantada com isso. Aliás, fala com essa tia sobre o amor e confia muito nela.



Resumindo, Anne with an E é uma série adorável, emocionante e inspiradora. É uma ode aos que amam as palavras, aos que têm como super-poder a imaginação e aos que sentem que não têm um lugar no mundo, mostrando que essas mesmas pessoas, na realidade, podem construir o seu próprio lugar. Aborda temas essenciais com seriedade e de forma educativa, entretendo ao mesmo tempo. É ideal para quem ama livros e acredita no poder das histórias e da diferença. Recomendo vivamente a sua visualização.


Classificação: 5/5 estrelas.





Trailer da primeira temporada com legendas portuguesas.