Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Wishlist: Novembro de 2022 (Portugal)

Wishlist Portugal.png

 

Novembro foi mesmo um mês recheado de novidades, o que é perfeitamente normal, pois o Natal está quase aí e as editoras, de facto, publicaram imensos livros novos para todos os tipos de leitores! Não faltam novas ideias para ofertas de Natal!

 

Em primeiro lugar, temos Doidos por Livros, de Emily Henry. "Nora vive para os livros. É agente literária e defende os seus escritores apaixonadamente.
Charlie é editor literário e tem o dom de publicar bestsellers. E é o inimigo n. º 1 de Nora.
Nora adora a sua profissão e não se imagina a viver noutro sítio que não Nova Iorque. O que ela não adora é a sua vida amorosa. Já perdeu relações suficientes por não se conformar com o papel de namorada dócil e caseira. Está farta! Por isso, quando a sua irmã, Libby, lhe propõe uma viagem a duas, Nora aceita. Sunshine Falls, uma amorosa vila na Carolina do Norte onde decorre a ação do bestseller do momento, está longe de ser o seu destino de férias ideal. Mas Libby escolheu esta radical mudança de cenário de propósito para incentivar a irmã a viver a vida de forma real e autêntica e não apenas através dos livros. Durante um mês, Libby tudo fará para que Nora seja a protagonista da sua própria história (romântica, de preferência).

Mas em vez de piqueniques em prados, encontros casuais com um atraente médico de província ou lenhador escultural, Nora está sempre a dar de caras com… Charlie, que teve a lata de rejeitar um dos seus livros, anos antes. Nora não é nenhuma heroína. Charlie está longe de ser um herói. Mas à medida que continuam a esbarrar um no outro - numa série de coincidências típicas dos melhores romances -, o que descobrem sobre si próprios supera (de longe!) a ficção."

 

Foi lançado a 2 de novembro pela Quinta Essência.

Gatilhos: Conteúdo sexual; ataques de pânico; pressão familiar; luto; morte de um familiar; gravidez.

 

 

 

Também neste dia, foi lançado, pela Clube do Autor, Escrito nas Estrelas, de Alexandria Bellefleur. "Escrito nas Estrelas venceu dois importantes prémios literários, eleito Livro do Ano, destacado pelo The New York Times Book ReviewWashington Post e pela Oprah Mag entre várias outras revistas e jornais de referência.

Aclamado pela imprensa e pelos leitores, Escrito nas Estrelas depressa se transformou num bestseller internacional com tradução para várias línguas.

Com um toque de Bridget Jones e outro de Orgulho e Preconceito, este livro conta uma história verdadeiramente terna e encantadora, sobre o verdadeiro poder do amor."

 

Gatilhos: Abandono (passado); alcoolismo (mencionado); traição (passado); negligência infantil; referências a Harry Potter; perda de ente querido.

 

Escrito nas Estrelas

 

 

Depois, temos um livro que li como eARC em inglês no ano passado. Podem ler a minha opinião aqui. Em Daqui Fala o Sam, de Dustin Thao, "Julie Clarke tem dezassete anos e muitos sonhos para concretizar ao lado do Sam, o seu namorado. Mas a vida dela muda drasticamente quando o Sam morre num acidente de carro. Tudo, mesmo tudo, perde o sentido. A dor que a Julie sente é tão grande que resolve desfazer-se das coisas do namorado e enterrar bem fundo as memórias partilhadas. Apesar disso, decide que tem de ouvir a sua voz uma última vez e liga para o telemóvel dele, para ouvir a mensagem da caixa de voicemail. E o Sam atende do outro lado.

A chamada é curta, mas ouvir a voz do Sam faz a Julie apaixonar-se por ele como se fosse a primeira vez. E a cada chamada, nos dias que se seguem, torna-se mais e mais di­fícil deixá-lo ir. A Julie vê de perto o sofrimento da família do Sam e pensa contar-lhes, mas isso pode cortar a ligação entre os dois… para sempre.

O que significa ter mesmo de dizer adeus? Como podemos seguir em frente quando isso implica pôr em risco o que mais amamos?"

 

A Editorial Presença publicou este romance a 3 de novembro.

Gatilhos: Racismo; luto; morte de namorado; acidente de carro.

 

Livro «Daqui fala o Sam», de Dustin Thao na livraria online da Presença. Desconto em todos os livros

 

A mesma editora, também nesse dia, publicou Uma Última Paragem, de Casey McQuiston. "August tem 23 anos e está a chegar a Nova Iorque, mas, ao contrário de muitas pessoas que fazem o mesmo caminho, não tem ilusões. O seu cinismo não a deixa acreditar em histórias de amor como as dos filmes, muito menos em magia, e August acha mesmo que a melhor forma de viver é… sozinha. Por isso, não é servir às mesas ou partilhar casa com pessoas estranhas que vai mudar isso. Muito menos as suas viagens de metro, imensamente chatas, diárias e sem história.

Mas, naquele dia, vê uma rapariga linda na carruagem. Jane tem uma beleza singular, um encanto especial, é misteriosa e parece, claro, inalcançável. Aquela miúda de casaco de cabedal sorri para August, e assim se inaugura uma paixão. Todos os dias, no metro, encontram-se e envolvem-se cada vez mais… mas rapidamente August percebe que há um pequeno problema: Jane não pertence ali. Na verdade, ela é da década de 70 e está perdida no tempo, presa naquela linha de metro, naquela carruagem, de onde não consegue sair.

August tudo fará para ajudar Jane, mas isso implica confrontar-se com muitas coisas que decidiu deixar para trás, fechadas no seu passado. Talvez tenha chegado o momento de acreditar. Até naquilo que pensava ser impossível."

 

Gatilhos: Álcool; erva; sexo semi-público; depressão; ansiedade; perda de memória e problemas cognitivos; luto; desaparecimento; PTSD implícito; homofobia.

 

Livro «Uma última paragem», de Casey McQuiston na livraria online da Presença. Desconto em todos os livros

 

A Marcador, neste dia, lançou Deuses de Néon - Olimpo 1, de Katee Robert. "Perséfone é uma das jovens mais bonitas e populares da elite do Olimpo. O seu plano é afastar-se do ninho de víboras que é a política da cidade e desaparecer para sempre.
Mas o plano fracassa quando a mãe a surpreende numa festa ao anunciar publicamente o seu noivado com Zeus, o perigoso líder da grande cidade.

Determinada a não se contentar com o destino que a espera, Perséfone sai da festa e foge para a cidade inferior, onde procura a proteção de Hades, com quem faz um pacto.

Hades passou toda a sua vida nas sombras. A proposta de Perséfone para participar de uma saborosa e desejada vingança contra Zeus será desculpa suficiente para lhes escapar.

Esse pacto testará os seus limites e irá mergulhá-los num perigoso jogo de sedução em que ambos arriscam tudo o que têm. Até os seus sentimentos."

 

Gatilhos: Abuso; morte dos pais; luto; agressão sexual/tentativa de agressão sexual; sexo explícito; armas de fogo; sangue; homicídio; cicatrizes.

 

Livro «Deuses de Néon - Olimpo 1», de Katee Robert na livraria online da Presença. Desconto em todos os livros

 

O próximo elemento da lista é Vertigens, de Valentina Silva Ferreira, um livro de uma autora madeirense. "Em finais dos anos 70, no Caniço, uma cidade costeira na ilha da Madeira, todos conhecem Ana Clara, a estranha rapariga que não fala e que passa os dias à janela. Quando Anita Fontoura a vê, também ela presa na sua janela de solidão imposta pelo marido, desenvolve-se entre as duas vizinhas uma amizade inesperada.

Décadas mais tarde, de regresso à ilha para enterrar Anita, a sua filha Oti reencontra-se com Ana Clara, sua madrinha, para tentar compreender a história da família, das mulheres Fontoura, da fuga das duas para Lisboa e daquela mãe que foi tão difícil amar.

Este é um romance sobre liberdade e coragem, sobre forjarmos nosso próprio caminho, sobre gritos no silêncio. Duas mulheres enclausuradas que o destino uniu e que, juntas, encontraram uma forma de voar."

 

A Aurora Editora lançou este livro a 3 de novembro.

Gatilhos: Morte; luto; violência doméstica; linguagem/cenas explícitas; depressão; ansiedade; suicídio.

 


 

A seguir, temos Stranger Things - Lucas em Risco, de Suyi Davies. "Lucas Sinclair está cansado de se sentir um forasteiro na sua própria cidade e não tem ninguém em quem se apoiar. Quando o início da escola secundária apresenta a Lucas outras opções além de jogar Dungeons and Dragons e sofrer bullying, ele pergunta-se se poderá ser mais do que um cromo. Se jogar bem as suas cartas, talvez Lucas possa até ser… fixe.

Depois de se começar a dar com um dos poucos outros alunos Negros da escola — o seu mentor na secundária e na equipa de basquete —, Lucas começa a aprender mais sobre si mesmo para além do seu grupo de amigos. Ele começa a entender-se como um adolescente Negro em Hawkins, o que parece diferente de tudo o que viveu anteriormente — neste mundo ou em qualquer outro."

 

A Nuvem de Tinta publicou esta história do universo de Stranger Things a 7 de novembro.

Gatilhos: Racismo; bullying; trauma.

 

 

 

Neste dia, a mesma chancela lançou À Espera do Natal, de Patrícia Furtado. "Faltam 25 histórias até ao Natal!

«Sentiram todos um forte abanão: estavam a ser levados do topo do guarda-fatos para a sala. Ouviram-se os gritinhos de excitação do miúdo de dois anos que ali vivia. Não era para menos, o dia de montar a Árvore de Natal era dos dias mais aguardados do ano, quase tão desejado quanto a Véspera de Natal. Onde iriam ficar colocados? Perto de quem? Que novos enfeites chegariam este ano?»

Este livro é um calendário do advento feito de histórias. Para ler uma por dia, até à chegada do Natal. Mas atenção: não são só as crianças que vão gostar, os pais, aconchegados juntos aos filhos na hora de dormir, vão adorar cada personagem destas pequenas histórias natalícias.

E querem saber um segredo? Algumas delas são verdadeiras…"

 


 

A 9 de novembro, foi lançado, pela Clássica Editora, Tu Não Sabes o que é a Guerra - O Diário de uma jovem Ucraniana, de Yeva Skalietska. "O emocionante e comovente diário da jovem refugiada ucraniana Yeva Skalietska. A 24 de fevereiro de 2022 a vida de Yeva, de 12 anos, mudou para sempre. Ela foi acordada pelo som aterrorizante de bombardeamentos. A Rússia tinha invadido a Ucrânia, e sua adorada casa em Kharkiv deixou de ser o porto seguro que deveria ser.

Foi quando se viu forçada a procurar abrigo numa cave húmida e apertada que Yeva decidiu escrever a sua história. Uma história que o mundo tem de ouvir. Yeva conquistou o coração da nação quando a sua história de fuga da Ucrânia, com a avó, foi destaque no Channel 4 News.

Neste livro, Yeva regista a sua jornada de Kharkiv a Dublin, onde se encontra atualmente. As entradas do diário são complementadas por fotografias, trechos de mensagens entre Yeva e os seus amigos, bem como um mapa que ajuda o leitor a acompanhar o percurso desta jovem corajosa."

 

 

 

A Editorial Presença publicou Ela e o Gato, de Makoto Shinkai e Naruki Nagakawa, a 16 de novembro. Neste romance japonês, "É primavera, mas o dia amanheceu chuvoso. Miyu, uma rapariga que vive sozinha na grande cidade, encontra um gato enroscado numa caixa de cartão e leva-o para casa. Ela tem dificuldade em expressar o que sente. Ele, que pensava ter de ficar na rua, observa agora as rotinas de Miyu. Juntos, ela e Chobi, o gato - o narrador que inaugura esta história - vão abrir os seus corações e as suas vidas a outros seres, ao mundo lá fora.

À de Miyu e Chobi, vão juntar-se outras três histórias - em que ouvimos a voz das protagonistas e dos seus gatos - entrelaçadas numa delicada tapeçaria. Este é um romance sobre a fragilidade da existência e a solidão e, mais que tudo, um livro que nos mostra como mesmo nos momentos mais difíceis, quando a esperança nos parece abandonar, continuamos profundamente ligados ao mundo que nos rodeia - muitas vezes de formas que não poderíamos imaginar."

 

Livro «Ela e o  Gato», de Naruki Nagakawa, Makoto Shinkai na livraria online da Presença. Desconto em todos os livros

 

O próximo título é Ontem à Noite no Telegraph Club, de Malinda Lo. "«O livro. Era sobre duas mulheres apaixonadas uma pela outra. — E então, proferiu a pergunta que se enraizara nela e que agora desenrolava as suas folhas e exigia mostrar-se à luz do Sol: — Alguma vez ouviste falar de tal coisa?»

Lily Hu não se consegue recordar do momento exato em que a pergunta se enraizou na sua mente, mas a resposta surgiu, como se um candeeiro de rua se acendesse numa noite negra, quando ela e Kathleen Miller caminharam sob o letreiro néon de um bar lésbico chamado Telegraph Club.

Em 1954, Chinatown, nos Estados Unidos da América, não é um lugar seguro para duas raparigas se apaixonarem. A Ameaça Vermelha intimida a população, sobretudo pessoas sino-americanas como a família de Lily. Com o risco de deportação a pairar sobre o seu pai, apesar da cidadania duramente conquistada, Lily e Kath arriscam tudo para que o seu amor possa sair da escuridão e ver a luz do dia."

 

Este romance histórico YA foi publicado a 17 de novembro.

Gatilhos: Homofobia; lesbofobia; aborto espontâneo; misoginia; insultos raciais; racismo; sexo (não gráfico).

 

 

 

A 21 de novembro, a TopSeller lançou Era uma Vez uma Noite de Inverno, de Tessa Dare. "Uma novela apaixonante e divertida, ao estilo inconfundível de Tessa Dare, que vai cativar os corações dos leitores.

Violet Winterbottom é uma jovem discreta. Fala seis línguas, mas raramente levanta a voz. Suportou a dor de um coração partido no mais absoluto silêncio. A fila de pretendentes que tem à sua espera é quase zero. Isto é, até à noite do baile de oficiais em Spindle Cove, durante o qual um homem misterioso entra de rompante no salão e cai a seus pés.

As vestimentas rudes que traz vestidas e a beleza quase criminosa do seu rosto deixariam qualquer jovem assustada. Está encharcado, ferido e com frio, e fala uma língua estrangeira. Só Violet o consegue compreender. e sabe que ele não é aquilo que parece ser. Será um contrabandista? Um fugitivo? Um espião inimigo?

Prestes a regressar a Londres por vontade dos pais, Violet tem apenas até ao nascer do sol para conseguir descobrir os segredos que se escondem por detrás daquela situação, mas o homem que tem diante de si parece mais interessado em seduzi-la do que em confessar seja o que for.

Para descobrir o que ele esconde, Violet terá de revelar os seus próprios segredos, e deixar-se levar pela aventura, pela paixão e pelo impensável… o amor."

 

 

De seguida, temos Amor na Porta da Frente, de Andreia Ramos. "Será que a vida que sempre planeaste é mesmo aquela que precisas de viver?

Seguindo as pisadas de uma mãe que nunca lhe deu amor, Beatriz é uma conceituada médica com a sua própria clínica na Avenida da Liberdade, em Lisboa. Prestes a ficar noiva de um dos mais reputados advogados da cidade, mal pode esperar para conquistar a vida com que sempre sonhou. Mas, após uma reviravolta inesperada, vê se aliada ao seu vizinho atraente e barulhento para conseguir algo que há muito ambiciona: o seu merecido descanso no prédio.

Por sua vez, Gabriel, o vizinho, é um aspirante a músico de uma pequena aldeia, a quem os pais exigem conhecer a suposta namorada já naquele Natal. Sem outra alternativa, ele vê em Beatriz a pessoa perfeita. Afinal, têm tão pouco em comum que ninguém suspeitará quando terminarem a relação. Portanto, a solução para o seu problema torna-se óbvia: oferecer à vizinha o que ela mais deseja, silêncio para sempre, sem acordes de guitarra, em troca de uma farsa de Natal.

Como conseguirá Beatriz lidar com esta família tão diferente da sua, com patos de estimação e… abraços? E Gabriel? Poderá descobrir algo mais na vizinha além da sua aparência snob e temperamental?

Um romance de Natal onde, afinal, o amor estava logo na porta da frente."

 

A Edições Velha Lenda publicou este romance natalício um mês antes da Véspera de Natal, a 24 de novembro.

 

 

 

Eis a oferta ideal para os fãs de Heartstopper! A 30 de novembro, foi lançado, pela Cultura Editora, Heartstopper: Anuário, de Alice Oseman. "Da vencedora do YA Book Prize, Heartstopper é sobre amor, amizade, lealdade e saúde mental. Uma história que todos deviam ter lido na adolescência, mas que nunca é tarde demais para conhecer.

Heartstopper: Anuário é o presente perfeito para quem ama as bandas desenhadas ou a adaptação da Netflix do universo criado pela Alice Oseman, autora bestseller e vencedora do YA Book Prize. Este volume a cores está repleto de conteúdo exclusivo do universo Heartstopper incluindo ilustrações nunca antes vistas, uma mini-BD exclusiva, perfis de todas as personagens, muitas curiosidades, uma viagem ao progresso artístico da autora e dicas sobre o seu processo criativo, tudo narrado por uma versão cartoon da própria Alice!"

 

 

Também neste dia, a Livros do Brasil publicou um livro da recente laureada do Prémio Nobel da Literatura. Em Um Lugar ao Sol seguido de uma Mulher, de Annie Ernaux, "Dois meses depois de passar nos exames finais para se tornar professora, o pai de Annie Ernaux morreu. Revisitando a memória da sua vida, no que ela teve de mais particular, repleta de confiança no trabalho árduo e igual dose de sonhos frustrados, complexos de inferioridade e vergonha, uma filha procura preencher um vazio que é seu, traçando em simultâneo um retrato coletivo sobre uma época, um meio social, uma ligação familiar. Pouco depois, também a mãe desapareceu, após uma doença prolongada que lhe arrasou a existência, intelectual e física, e mais uma vez cabe à filha restaurar, através da palavra escrita, a sua presença na história. Neste volume reúnem-se os dois textos de Annie Ernaux sobre estas perdas: Um Lugar ao Sol, sobre o pai, publicado em 1984 e vencedor do Prémio Renaudot, e Uma Mulher, sobre a mãe, lançado em 1988. Duas peças literárias fulgurantes, misto de biografia, sociologia e história, onde resplandece a ambivalência dos sentimentos que unem filhos e pais e o impacto da quebra desse elo vital."

 

Um Lugar ao Sol seguido de Uma Mulher

 

As próximas novidades ficaram no fim por não me recordar das datas exatas dos seus lançamentos.

 

Em Noite de Reis, de Molly Booth, Stephanie Kate Strohm e Jamie Green, "Vi mudou-se para Arden High para um novo começo e uma oportunidade de usar gorros e camisas em vez de uniformes com saias. E, embora fazê-lo sem o seu irmão gémeo seja como se estivesse a ser dividida ao meio, Vi encontra o seu passo quando tropeça (literalmente!) no bonito e chocante poeta-barra-influencer Orsino.

A partir desse momento, Vi é obrigada a ajudar a planear o baile da Noite de Reis, e não consegue parar de sonhar em dançar com Orsino sob as luzes de fadas no ginásio. O problema? Todos os novos amigos de Vi assumem que ela nem sequer gosta de rapazes. E antes que ela possa convidar Orsino para o baile, ele recruta-a para ajudar a conquistar a sua paixão, Olivia. Que também está apaixonada... pela Vi."

 

Esta novela gráfica foi lançada pela Edições Gailivro.

 

 

Por fim, temos O Tempo é uma Mãe, de Ocean Vuong, que foi lançado pela Relógio d'Água. "Neste livro de poemas, Ocean Vuong procura o significado da vida por entre os destroços deixados pela morte da mãe, refletindo sobre o paradoxo de permanecermos sentados com mágoa ao mesmo tempo que procuramos a determinação necessária para a ultrapassar.

Mergulhando em memórias, e em sintonia com os temas de Na Terra Somos brevemente Magníficos, Vuong debruça-se sobre a perda, o significado da família e o custo de ser um produto resultante de uma guerra na América. O resultado é uma abordagem inovadora e corajosa, tanto em relação à linguagem como à forma, que ilumina os principais temas que hoje nos atormentam."

 

 

 

 

Por agora, é tudo. Que novidades de novembro fazem parte das vossas listas?